Capa do livro: O Candomblé bem explicado
O Candomblé bem explicado 4 (1) já leram

O Candomblé bem explicado


Autor: Odé Kileuy & Vera de Oxaguiã

Sinopse: Nações Banto, Iorubá e Fon - Para mais bem compreendermos uma cultura, devemos conhecer um pouco de seu idioma. E, para essa viagem, é necessário que tenhamos na bagagem um bom repertório de palavras (quanto maior, melhor), o que será útil na hora de nos comunicarmos, de lermos e por fim de termos uma noção básica desse novo universo — seja ele um país ou uma religião. O que é o candomblé? A história do candomblé é uma história não-escrita, por isso, a cada dia, ela é redescoberta e recontada para que dúvidas da comunidade praticante sejam esclarecidas e mais luz seja jogada sobre o preconceito que ainda sofre essa religião em nosso país. No Brasil, o candomblé surgiu através da herança cultural trazida pelos africanos escravizados e foi devidamente adaptada às condições da então colônia. "O Candomblé bem Explicado" é resultado da pesquisa de um babalorixá e de sua filha-de-santo que, motivados por sua própria experiência prática, decidiram elucidar conceitos e temas bastante recorentes no cotidiano religioso dos que pertencem às três nações analisadas com maior enfoque nesta obra — Bantu, Iorubá e Fon —sem que, no entanto tenham até o momento sido objeto de aprofundadas reflexões teóricas. Todas as questões apresentadas no livro seguem pautadas pelos patamares religiosos. Em suas pesquisas, os autores descobriram infinitas diversidades e conceitos simbólicos que explicam, por exemplo, o uso de objetos, as características e funções variadas dos itens que participam do candomblé e são pouco explicados.